Arquivo mensal: fevereiro 2012

03 regras como escolher papel para origami

Padrão

Olá, estamos de volta .

Como citado anteriormente, o origami é praticado primariamente com papel.

Mas então surge a duvida: QUE TIPO DE PAPEL?

Para isto daremos 3 regras de como escolher o melhor papel:

Regra 1 : O tipo de origami a ser dobrado.

Em geral, todo tipo de papel serve para se realizar origami. O que conta é o tipo de origami a ser modelado (simples, médio, intermediário, complexo). Origamis simples adaptam-se melhor a papeis mais rígidos enquanto origamis complexos necessitam de papeis mais finos devido a quantidade de dobras a serem realizados nele.

Regra 2: A estrutura físico-química do papel.

Textura, gramatura, tensão, resistência, durabilidade, absorção/perca de cor varia de papel para papel

Em especial, ao escolher o tipo de papel, observe a sua espessura ou seja a gramatura se é mais fino ou mais grosso. Papéis mais finos estão entre 30 e 60g, o nosso velho papel sulfite é de 75g (papel A4 ou ofício que usamos na escola), papéis médios estão entre 90 e 120g, e papéis mais pesados de 150, 180 e até 240g.

Papéis grossos demais acabam se quebrando ao serem vincados. Já papéis muito finos ou moles não podem ser dobrados ou desdobrados muitas vezes, pois rasgam-se facilmente e não têm a rigidez necessária.

Regra 3O nível técnico e gosto pessoal do origamista.

Com o passar do tempo e o aperfeiçoar das técnicas e do tato, cada pessoa desenvolve a sua própria padronagem quanto o tipo de papel a ser usado.

Abaixo os papéis mais usados para origami:

Papel sulfite – ótima escolha para iniciantes pois é barato e pode-se dobrar muitas vezes. Não possui muita diversidade nas cores.

GRD_1692_color

Papéis de presente ou fantasia  – estampados de um lado e brancos de outro, são excelentes para valorizar ou estilizar uma peça. Uma dica: nem todo papel de embrulhar presente serve para Origami.
images

Papel espelho, dobradura – colorido de um lado e branco de outro, pode ser facilmente encontrado em qualquer papelaria, a gramatura é de mais ou menos 75g geralmente é vendido no tamanho de 1m x 0,50m. Ele tem cores muito vivas e a opção de com ou sem brilho.

GRD_220_Papel Espelho Fosco 1-1

Papéis importado para Origami – já vem cortados no formato quadrado e com diversas estampas sendo a maioria chinesa, japonesa e coreana. É um papel caro mas vale a pena o investimento. Encontrados em poucos lugares no Brasil ou ainda você pode comprar pela internet.

Color Plus – É um ótimo papel, colorido na massa, isto é, a coloração é dada antes da produção final do papel. Por não ser pintado, não deixa vincos brancos ao ser dobrado e nas áreas do corte. Pode ser encontrado em diversas cores “vivas” e é produzido em diversas gramaturas.

Color Set – é colorido dos dois lados mas é tingido por isso ao ser dobrado e nas áreas de corte fica os vincos brancos . Possui uma grande diversidade de cores e gramaturas.

Papel Vegetal – Esse papel aceita muito bem as dobras, mantendo-as firme. Uma outra característica é ser um papel translúcido por isso cria um efeito bem interessante em modelos modulares como caixas e luminárias. Infelizmente, a maioria das papelarias só tem na cor branca apesar de existirem nas cores azul, laranja, amarelo, pérola, prata, verde, vermelho mas terá que procurar bastante para encontra-lo. Uma outra alternativa é tingir o papel, existem diversas técnicas de tingimento

Papel Kraft – é um dos papéis mais resistentes e existem diversas espessuras,texturas e estampas. As dobras ficam firmes e é ótimo pra dobrar modelos complexos que não precisem de muita modelagem final ou também é muito usado para caixas.

kraft estampado_0

Além dos papéis citados, também são usados: manteiga, camurça, pardo, reciclado, velho/gasto etc.

Finalmente, como obter um quadrado de um retângulo já que a maioria das papelaria vendem neste formato e em geral trabalhamos com a forma quadrada.

Simples não =u=?!

Espero que tenham gostado ^^
Boas dobras!

Até a próxima…Boas Dobras!

Anúncios